Aos amigos.

Aos amigos.

Amar é sentir a sensibilidade de uma flor..

Amar é sentir a sensibilidade de uma flor..
Amar é sentir a sensibilidade de uma flor.

22 de outubro de 2013

Sou!


Sou a vida que lhe espera.

Sou as flores 
que
 encantaram
naquela primavera.

Sou forte como o ar que respiro,
sou leve 
como a brisa que passa.

Sou àquele arrepio dos nossos desejos.

Sou os sentimentos que aderiram nossas peles.

Sou emoções da derme,
percorrendo silenciosamente,
meus sonhos 
como
 adolescente.

Sou palavras,
que 
voaram com o vento,
sobrevoando
 contra quimeras do tempo.

Sobressalentes,
os
 desejos ficaram
suavemente 
deixaram fantasias,
de
 dois seres que se amaram,
em 
juramentos sem heresias.

Sou...

Auroria-Carmen Lúcia-imagem-papillondavril.






24 comentários :

  1. Maravilhoso mode de ser! Poesia linda! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, querida amiga!
    Teus trabalhos me emocionam sempre.
    Parabéns pelo belíssimo poema.
    Abraços
    Sinval

    ResponderExcluir
  3. Bom diaaaa Lu

    Lindo poema!!

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  4. Querida amiga e poetisa Carmen !!!!

    Senti-me honrado com mais uma sua presença Em minha página. Passando para retribuir e deixar O meu abraço e carinho. Perdoa-me um pouco A ausência, pois estou meio atarefado e sem Tempo, mas não a esqueço.
    Belíssimo Poema. Sensível e bem poético. Meus parabéns.
    Uma semana maravilhosa é o que desejo Para você. Com muita paz, amor e, felicidade em Seu coração. Que haja muita luz em seu caminho.
    Beijos de luz !!!

    POETA CIGANO – 22/10/2013

    http://carlosrimolo.blogspot.com
    “Poesias do Poeta Cigano”


    ResponderExcluir
  5. Olá, bom dia.
    Tomara que estejas bem.
    É o tempo que nos convida a recordar dos momentos, e fazer dos sonhos, cantos com ou sem rimas. São os sentimentos, que desperta na Alma, os desejos de cantar e conquistar. Ser, o que desejar ser. E assim, segue os olhares e os risos, quase sempre debochando do raiar de um novo contentamento.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  6. Venho e aproveito um pouco o que tenho para agradecer a presença e as palavras.

    Esse Sou...
    traduz "O Ser ou não Ser"
    e as questões que trazem ao nascer

    E hoje,
    ainda não as compreendemos bem
    e por vezes nos lançam no desespero
    da procura nossa e dos outros.

    E o poema é lindo e emociona sempre.

    Graças pelo encontro,

    Maria Luísa

    ResponderExcluir
  7. "Sou" ...Pois é uma grande POETISA...Que adoro ler...Amei este poema.

    Beijinho

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  8. Passando para deixar um beijinho e um abraço fraternal em agradecimento por este texto maravilhoso.

    Nicinha

    ResponderExcluir
  9. Olá!Bom dia, opsss boa tarde
    Carmen.... a pressão, os atalhos da vida, as crises e as culpas. E nos sentimos reféns de um mundo que nos oprime...mas, na medida em que o tempo passa, sentimos cada vez mais a urgência de viver e manter a atenção focada internamente no puro sentimento de existir, o eu sou... que a felicidade está no encontro de corações, a compreensão antecipada, a intuição, os discursos silenciosos da percepção, o prazer de conviver, o equilíbrio dos sentimentos , a confiar no tempo, no vento, na companhia e na estrada que escolheu para caminhar....
    Agradecido pelo carinho!
    Belo dia de terça feira
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Que bela forma de ser num belo poema!
    xx

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde,
    é uma pessoa maravilhosa que a torna tão ou mais forte, como o ar que respira.
    Poema que é uma completa beleza, escrito com a enorme sensibilidade que a caracteriza.

    Abraço com ar puro.

    ag

    ResponderExcluir
  12. Que lindo ler aqui seus poemas minha amiga, já percebi que vives inspirada, isso é muito bom!
    Ser, pois é, sempre é melhor ser do que ter, és com certeza, és essa linda pessoa que tenho o prazer de ter como minha amiga!
    Seja sempre você mesma, assim como no poema," leve como a brisa..."
    Abraços e tenhas uma linda tarde!

    ResponderExcluir
  13. O Amor canta suas virtudes...Assim Seja!

    Um abraço

    ResponderExcluir
  14. Boa tarde Carmen :)
    Que post lindo!
    Gostei do 'juramentos sem heresias'!
    Achei sensacional ,quando vc escreveu ontem que faz as poesias 'direto sem rascunho e as palavras vão saindo conforme a inspiração'.
    Bjs \o/

    ResponderExcluir
  15. Belíssimo poema, e maravilhosa maneira de ser!
    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Você é uma pessoa maravilhosa e uma poetisa fantástica..obrigada!
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  17. Sou a suavidade das palavras sentidas com a leveza da minha alma.
    Sou pedaços transformados de uma vida vivida .
    Sou a fonte dos desejos do meu louco coraçao.
    Sou apenas o fruto germinado de uma semente do amor .
    Muitos beijinhos querida amiga pelo lindo poema .

    ResponderExcluir
  18. Oi Carmem,
    Saudades de você
    Agora vou postar segunda e quinta-feira.
    Como sempre sua poesia me encanta
    Vou colocar aviso no blog
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  19. Olá, querida Carmen
    Ser o que se é ou o que a vida nos tornou de melhor...
    Lindo poema onde vc se retrata harmonizada com a condição atual!!!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  20. Isso é ser a rima da flor; isso é ser amor! Linda poesia, Carmen, parabéns!
    Beijos
    Fica com Deus!

    ResponderExcluir
  21. Bom dia minha amiga Carmen.. por isso que teu soneto tentei vestir assim.. pq tudo isso transborda de vc sempre.. e tem coisa melhor que a natureza a nos abraçar.. um lindo dia bjs

    ResponderExcluir
  22. Sou... admiradora de seus escritos tão bem colocados, poéticos que vão do superficial ao submerso das emoções.
    Lindo, lindo e lindo!
    Sou emoção pura

    ResponderExcluir

Obrigada amigos,fico feliz quando deixam
comentários em meu pequeno espaço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Amigos

Amigos

Flores com carinho.

Flores com carinho.