Amar é sentir a sensibilidade de uma flor..

Amar é sentir a sensibilidade de uma flor..
Amar é sentir a sensibilidade de uma flor.

Aos amigos.

Aos amigos.

O meu livro.

30 de novembro de 2012

O meu selinho.

Amigos,quem quiser levar o meu selinho,está a disposição no lado direito do blog.
Gostaria imensamente que o levassem.
É simples,mas feito com carinho e perfume virtual.
É só clicar e salvá-lo.

Obrigada a todos amigos que me seguem.
Carmen Lúcia


"Lacunas"!

Lacunas
abrem-se à um pensamento distante.
Repousante seria se não fosse intrigante.
Tão distante!Se entrega
como um andarilho,que busca repouso.
  Entre essa lacuna,quem sabe achará um pouso.
Olhares penetrantes e firmes,
buscam  figuras em íris,
a saída entre um respaldo que ficaram
entre frestas,servindo-se como
alertas de
um pensamento distante,entre lacunas
intrigantes!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune


"Ofegantes dançamos"!

Ofegantes dançamos e
nos abraçamos entre respingos da neve.
Seremos breve.
A nevasca cai em brancuras iguais.
Ao som dos pingos gélidos,ritmos
ensaiam nossos pés que se encontram
desiguais.
O abrigo,nos proporciona um convite à dançar.
Retraio-me,mas fico no ensaio.
Juntos dançaremos.
E nesse embalo marcante nos abraçamos,
recebendo o frio à congelar.
Mas, tentamos sem respirar,
receber o nevar nessa linda noite,
para simplesmente dançar e nos amar!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune

,

"Somos Iguais"!

Somos iguais.
Não há diferença entre nós.
Somos filhos do mesmo Pai.

Seu coração é tão puro e alvo,quanto a minha cor.

Somos iguais.

Não há diferença entre nós.
Somos filhos do mesmo Pai.

Nos abraçamos e nos entrelaçamos com amor.

Somos iguais.
Não há diferença entre nós.
Somos filhos do mesmo Pai.

Sua pele junto a minha,deixa-me sentir uma rainha.

Somos iguais.
Não há diferença entre nós.
Somos filhos do mesmo Pai.

Nossos direitos são os mesmos e
os mesmos direitos caminham em igualdade.

Somos iguais.
Não há diferença entre nós.
Somos filhos do mesmo Pai.


Esperamos que um dia todos respeitem essa irmandade.

Somos iguais.
Não há diferença entre nós.
Somos filhos do mesmo Pai.

A cor da pele não expele diferença,
expele sim,uma grande igualdade.

Somos iguais.
Não há diferença entre nós.
Somos filhos do mesmo Pai.

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune

29 de novembro de 2012

"Sobre o Luar"!

Sobre o luar repouso.

O mar calmo,traz ondas a quebrarem na praia.

Em meu pousar é preciso que não caia.

Ficando em direção ao hemisfério norte,
ou quem sabe ao pólo norte.

Tenho que estar segura e forte.
A causa se faz juz ao luar que adormeço.

E não esmoreço!

O recomeço será libertado,

pelas águas que sob mim,
aparecem como o fim.

Inclino minha cabeça e desejo,
que  não desça.

 Esperando o suporte que me segura.

elevo-me à altura,

onde adormecida junto

a lua,estarei recebendo,

juras das palavras como lamentos que

 ficaram  no ar absortas e

absorveram-se aprofundando-se, junto aos

nossos sentimentos!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune


"Amantes somos,amantes seremos"!

Amantes somos,amantes seremos.

Nos envolvemos em paixões,
cabíveis 
em 
nossos corações.

Relutamos nossas emoções,mas
como dragões o fogo exala em chamas,
ardente e cai sobre nós queimando em
combustões.

A cada momento somos entregues,
ao ápice do amor,ficamos indefesos pois,

amantes somos,amantes seremos!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune






"Sou Assim"!

Sou assim!
Sou a criança entre flores e jardim.

Encanto-me com o pousar da borboleta e o frescor
de um jasmim.

Suspiro e respiro o ar até o fim.

Elevo-me nesse devaneio,pois

Sou assim!

Sou criança,volto à infância,
fico na esperança de crescer e
 voltar à rever,
as flores que deixei no jardim,pois
Sou assim!

O que importa é a relevância que faço
 nesse espaço colorido,em ser recebida por um jardim florido,pois

Sou assim!

A criança com vivência,que espera na sua existência,
 colher as flores do jardim,pois

Sou assim!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune








28 de novembro de 2012

"Reconheço e me Fortaleço"!

Reconheço e me
fortaleço.

Preciso buscar,
e deixar agir,mesmo
sabendo que ao tentar,
hajam reflexos insistindo em me
ofuscar.

Essa atitude esguia,
me encoraja e me guia,
para uma fantasia de encontrar,

a luminosidade que brilha em seu olhar.

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune

Obrigada amigo Pedro Pugliese!

Obrigada amigo Pedro Pugliese do blog:

Agradeço o selo que já está enfeitando o meu blog.

Carmen Lúcia



"Divina Luz"!



Recebo em minhas mãos,
uma luz que
reluz e me convida
a pensar!

Pensar e orar.

Orar para um ser Divino,
que em um gesto se manisfestou,
perdoou e se glorificou.

Nasceu em uma estrebaria,concebido
por Santíssima Maria.

Santíssima Maria que o aceitou,
como seu filho o Salvador.

E hoje aqui estamos Senhor para
 pedir e orar.

Pelos aflitos implorar,
que em seu olhar um só gesto,
faz o doente se curar.

Pedir e orar,
pelas crianças carentes,
às vezes muito doentes,
precisam do pão para se alimentarem.

Pedir e orar,pelos mendigos,sujos e
maltrapilhos,que esperam nas ruas com mãos
abertas,uma doação em ofertas.

Pedir e orar pelos idosos,alguns já
desgostosos,sem famílias esperam.,
que lhes sejam entregues, 
embrulhados em papéis,
um recado do Senhor:

Que sejam bem vindos,

à Santa Ceia do Divino Mestre Salvador!

Texto-Carmen Lúcia- Imagem Satisfaction.com

"Esconderijo"!

Recubro-me em cores e
me apego absorta entre flores.

Quero expandir minha mente e
precisamente necessito dessa transformação.

A minha emoção reluta aos devaneios que
insistem serem os primeiros.

As cores,escondem marcas e traços como
prisioneiros.

Prisioneiros de fuga absoluta,
que em bordados sobressaem
como em lutas,
para cobrir e recobrir o meu rosto em cores,
e me apegar à entrega sem receios,

em um esconderijo entre flores!


Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune

27 de novembro de 2012

"Câncer"!



Hoje,27 de novembro de 2012 dia mundial da luta contra o câncer não poderia deixar de falar sobre essa doença que se for pega no começo muitas vezes é curável.

Sabemos da importância dos exames que todos nós devemos fazer anualmente,principalmente nós mulheres com a mamografia e Papanicolau e os homens com exames para verificarem valores do PSA e toque retal.
Não sei porque ainda há medos e vergonhas no mundo de hoje,sabendo que somos países desenvolvidos onde muitos que estão a nossa frente já enfrentaram espaçonaves a fim de descobrirem o que existe do outro lado da Terra.
Na realidade para os homens existem preconceitos em acharem que se tiverem que passar por esses exames não serão mais homens viris.E muitas mulheres,às vezes não o fazem principalmente o Papanicolau,para verificação do câncer,por medo ou retração de alguns esposos.
A doença está matando milhares de homens,mulheres e crianças.
Precisamos ficar atentos quanto as nossas crianças também com exames onde muitas vezes os pais são pegos de surpresa com a Leucemia.Existem casos que conheço onde uma simples dor nas pernas de uma criança já poderá ser o começo da doença.
Ficamos precavidos e alertas!Em nosso país existe o hospital do câncer A.C-Camargo com vários oncologistas  e lá muitos poderão fazer os exames gratuitamente.Sei que é difícil,mas quando o câncer se instala em nossa família é desolador.
Infelizmente,ainda não foi descoberta a cura para essa doença que afligi o mundo.Mas,como disse se pega no começo em alguns casos é totalmente curável.

Há duas semanas,perdi meu amigo,cunhado e compadre.

Por esse motivo estou aqui para fazer uma corrente de orações à todos que lutam com a doença e aqueles que não a possuem façam seus exames periódicos.
 Obrigada.
Carmen Lúcia

"Miragem"!

Procuro em sonhos, cerrando meus olhos à encontrar sua imagem.

Reluto para que não se desfaça
essa  miragem.

Invisto em mim e não deixo algum
imprevisto se aproximar que chegue ao fim.

Deixo-me levar nesse sonho inigualável.

Sendo justificável!

Um encontro mesmo como ficção,
 será plausível pois;saberei que nessa ação,

irei reencontrar,

sua imagem,

como miragem do meu sonhar!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune



"Enigmas"!

Enigmas aparecem e desaparecem.

Evaporam e devoram,
meu tédio sem explicações!

São recordações,
somadas e multiplicadas,
querendo que sejam arrancadas.

Que não constem em linhas,
sublinhadas,ambíguas e sem ações.
As emoções,
Não foram enigmáticas e sim ficaram
marcadas em nossos corações!

Texto-Carmen Lúcia- Imagem Claire de Lune

"Colher os Frutos"!




A colheita será farta e a mesa será posta.
Mas,essa resposta,

ficará exposta, 
à quem desejar executar.

São metas que devemos realizar,
cumprindo ensinamentos que um dia à nós foi dado,

pelo nosso Mestre Divino com todo mestrado.

Nos ensinou amar nossos irmãos,assim

como por Ele, somos eternamente amados!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune


26 de novembro de 2012

"Sentidas no Coração"!

"As melhores e as mais lindas coisas do mundo não se podem ver,nem tocar.Elas devem ser sentidas com o coração"-  Charles Chaplin.


Sentir no coração a delicadeza entre a beleza da flor e a
carícia de uma renda.

As duas envolvem-nos com ternura e exatidão.

Podemos sentí-las sem tocar,
somente com a magia do olhar,
veremos o sentimento da pureza e
com destreza o toque será no coração!

Texto-Carmen Lúcia- Imagem Miscelânea

"O dia parece eterno"!

Sendo efêmero,o dia 
parece-me eterno.
Consigo realizar em meus sonhos,
uma eternidade sem fim.
Junta-se a mim,
a conquista já vista 
do caminho que irei percorrer,
sem temer.
Concretizar,mesmo sendo efêmero,
em esmero o desejo de lhe amar.
Amar em sonho e me recompor
em um momento,
tentando acalmar o meu pranto e
me espanto,
mesmo sabendo que não o verei
 preciso ser concisa,assim
saberei,
que mesmo sendo efêmero,sempre o amarei.

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune

"Um perfume no ar"!

Sinto seu perfume que ficou aromatizando o ar.

Inebria meus pensamentos e
meus momentos
se 
entregam sem óbices.

 Em brancas vestes,me liberto à voar,

envolvendo-me entre a brisa do mar,e

  arrebatando-me sem
pensar,
levando-me à algum lugar,

onde bem devagar,

dançarei as escuras,mas

terei branduras,

ao conduzir-me pela luz de um vaga-lume,

levando-me a sentir o enebriante toque do
seu perfume!

Poesia-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune

25 de novembro de 2012

"Ápice do fim"!


Em meu refúgio,tento refazer e
reencontrar em sua imagem,a
 mensagem repassada à mim,
que
 um dia chegou ao ápice do fim.

Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune


"Paz em Sorrisos"!

Precisamos da Paz que existem em  sorrisos.

Sorrisos francos e serenos.

Para ficarmos absortos
e plenos.

Sabendo que a tranquilidade

é a eterna felicidade,

da serenidade que nos traz

Sendo simplesmente  os sorrisos da Paz.

Texto-Carmen Lúcia- Imagem Claire de Lune


"Lágrimas rolam"!

Lágrimas rolam como gotas d'água pedindo ajuda.

A palidez é profunda.

Compadecida murmura em suspiros e
retrai-se quando pensa nos risos e sorrisos.

Seus olhares marcaram
uma terna felicidade,que agora são visíveis
com a realidade.

Realidade que se torna insana, deixando
as lágrimas rolarem,onde
mágoas
envolveram-se e caíram
sobre um rosto a murmurar e

subtraíram-se junto as profundezas do mar!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune



24 de novembro de 2012

1ºContos e Prosas.

É com muito orgulho que terei o meu conto sendo apresentado,no 1ºContos e Prosas,nos dias 13 e 14 de dezembro de 2012 no blog:
Esperamos todos vocês amigos para que lá compareçam e deem seus comentários.

Obrigada querido poeta J.R.Viviane.

Carmen Lúcia

23 de novembro de 2012

"Meiga e Suave"!

Meiga e suave,
sintetiza à poesia do amor.

Em seu esplendor,
refina-se em pétalas com vigor.

A entrega se faz presente,
para um coração ardente.

A paixão se encobre
em tão nobre cor à cintilar

Seu frescor nos envolve
nos convida à amar

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Mis Flores.

"Mais um Presente"!

Mais um presente que ganhei!

Este veio do  amigo-Pedro Pugliese

Obrigada,guardarei com carinho.

Faço questão de passá-los à quatro blogs queridos que são:


 Carmen Luísa(xará)


O blog do Pedro Pugliese é:


Agora irei comunicá-los para que venham pegar esse mimo se assim o quiserem.

Carmen Lúcia

"Paz Interior"!

Saber a tranquilidade que existe tendo paz interior.

Nesse explendor,
Onde reflete uma candura da metamoforse da lagarta,

Muito esperta,
Ela se enclausura em seu casulo,
e transforma-se em borboleta.
Nos traz a paz interior,
refletida nas asas como um refletor.
Que a essência dessa sobrevivência
seja para nós a vivência,
transformada em experiência,
para que possamos com vigor
termos a paz interior!

Texto-Carmen Lúcia-Imagem Claire de Lune
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Amigos

Amigos

Flores com carinho.

Flores com carinho.